(Foto: reprodução NME) Chester Bennington e Slash

Slash, guitarrista do Guns N’ Roses, revelou que gravou uma música com Chester Bennington, do Linkin Park, mas por motivos contratuais a faixa não pôde ser lançada.

“Quando eu estava fazendo o meu primeiro disco solo, trabalhei com várias pessoas diferentes, algumas das quais, por alguma razão, não entraram no álbum”, conta Slash em matéria da Variety. “Uma delas foi o Chester. Nós fizemos uma música juntos e na época o Linkin Park não permitiu que isso acontecesse”.

“Foi muito bom e ele foi incrível”, relembra o guitarrista e continua: “A letra falava do estado de espírito de Chester e tinha frases como: ‘Eu fui ao médico e ele me disse que eu estava muito doente, que eu tinha maus hábitos e precisava parar rápido'”.

Como o lançamento foi proibido pelo Linkin Park, Slash chamou Lemmy Kilmister, do Motörhead, para cantá-la e se tornou a faixa Doctor Alibi, do disco homônimo do guitarrista, lançado em 2010.

“A fita que tem a versão demo, com Chester cantando, está com a família dele. Eu adoraria se eles quisessem liberá-la. Musicalmente, é a mesma que Lemmy canta, mas a letra original é realmente pungente”, conclui Slash.

Chester foi encontrado morto em sua casa em 20 de julho de 2017. Sua morte foi considerada suicídio pelo legista da cidade de Los Angeles.

Fotos raras do Linkin Park:

 

Sem mais artigos