Paris Jackson sofria bullying quando começou a frequentar a escola. A filha de Michael Jackson contou detalhes sobre sua infância em uma entrevista à apresentadora Oprah Winfrey. A adolescente, que agora tem aulas escolares em casa ao lado dos seus irmãos Prince e Blanket, diz ter passado momentos complicados com seus colegas de sala. 

“As pessoas tentam, mas nem sempre funciona. Sofri muito preconceito na escola, atualmente a coisa é virtual. Todo mundo tenta me colocar para baixo na internet. Eu não ligo, não deixo essas coisas me atingirem”, disse Paris. 

A futura atriz também admitiu que seu infância foi um pouco confusa, pelo fato de seu pai a obrigar a usar máscaras quando saía de casa. “Foi complicado, me deixava confusa. Mas agora eu entendo o motivo. Meu pai não queria que eles tirassem fotos da gente. Ele achava que dessa forma, quando estivéssemos sozinhos, ninguém poderia nos reconhecer. Ele só queria proteger seus filhos.”

Ainda segundo Paris, foi por essa atitude que eles tiveram uma infância considerada normal. “Ele sempre me dizia que não foi criança. Que não teve tempo para isso. Ele precisava estar sempre no estúdio, ensaiando, enquanto as outras crianças brincavam. Ele fez com que eu tivesse tudo isso.”

“Nunca será fácil”, responde Paris, ao ser questionada sobre como tenta lidar com a falta do pai. Três anos após a morte de Michael, a adolescente vai gravar seu primeiro filme. Aos 14 anos Paris começa a rodar neste mês o longa-metragem Lundon’s Bridge and the Three Keys, com previsão de estreia em 2013. 

O Rei do Pop faleceu em 2009, vítima de uma overdose do medicamentos. 

Sem mais artigos