Chester Bennington morreu na semana passada

Reprodução Chester Bennington morreu na semana passada

O Linkin Park se manifestou oficialmente pela primeira vez desde a morte do vocalista Chester Bennington, de 41 anos, na semana passada. A banda escreveu uma carta aberta ao cantor e manifestou a dor que tem tomado os corações de amigos e família desde o ocorrido.

Chester foi encontrado morto em seu apartamento. Ele cometeu suicídio, se enforcando no banheiro com um cinto. O músico foi uma das vozes mais marcantes da década passada.

Leia a íntegra do texto traduzido abaixo:

Querido Chester. Nossos corações estão quebrados. As ondas de choque pela dor e negação continuam a varrer nossa família, enquanto tentamos enfrentar o que aconteceu. Você tocou muitas vidas, talvez mais do que possa ter imaginado. Nos últimos dias, pudemos ver uma onda de amor e apoio, tanto público quanto privado, ao redor do mundo. Talinda (mulher de Chester) e sua família apreciaram isso, e esperam que o mundo saiba que você era o melhor marido, filho e pai. A família nunca estará inteira sem você.

Chester e o Linkin Park

Divulgação Chester e o Linkin Park

Ao falar com você sobre os próximos anos juntos, sua empolgação era contagiosa. Sua ausência deixa um vazio que nunca poderá ser preenchido. Sua voz barulhenta, engraçada, ambiciosa, criativa e generosa está fazendo falta. Estamos tentando nos lembrar que os demônios que te levaram de nós sempre fizeram parte do negócio. 

Afinal de contas, foi a maneira como você cantou sobre demônios que fez cada um cair de amores por você no primeiro momento. Sua coragem os colocou em evidência, e ao fazê-lo, nos colocou juntos e nos ensinou a sermos mais humanos. Você tinha o maior coração.

Nosso amor por fazer e tocar música não se esgotará. Enquanto nós não sabemos o caminho que nosso futuro terá, nós sabemos que nos tornamos melhor por você. Obrigada por esse presente. Te amamos e sentimos muito a sua falta. Até que nos encontremos de novo. LP

Sem mais artigos