A apresentação do músico Daniel Johnston, ocorrida em abril de 2013 em São Paulo, foi objeto do documentário Devil Town: Daniel Johnston in São Paulo, sob a direção de por Mariana Bastos. Foi a primeira vez do americano em terras brasileiras.

O músico teve como um de seus fãs mais ilustres Kurt Cobain, que frequentemente aparecia com camisetas do álbum de Johnston Hi, How Are You: The Unfinished Album. Gravou mais de 20 álbuns, muitos de deles de forma caseira, utilizando fitas cassetes e ilustradas por ele próprio.

Diagnosticado com esquizofrenia e transtorno bipolar, a vida do cantor tem sido traçada por episódios marcantes, com fortes altos e baixos. Suas canções ingênuas e líricas ganharam versões de diversas bandas, a exemplo de Wilco, Pearl Jam e Flaming Lips.

O documentário The Devil and Daniel Johnston, dirigido por Jeff Feuerzeig, conta boa parte da vida de Johnston e foi o grande vencedor do festival Sundance em 2005.

Sua passagem por São Paulo, cancelada em março e concretizada em abril, rendeu os 40 minutos do doc abaixo. Nele foram alternados trechos de músicas de Johnston e uma entrevista com o cantor. Assista:

Sem mais artigos