Joe Elliott, vocalista do Def Leppard, tentou criticar a imprensa britânica e acabou comprando briga com Morrissey. Em recente entrevista à rádio australiana Triple M, Elliott declarou sua insatisfação com a forma que a mídia musical no Reino Unido aborda as personalidades da música e ignora sua banda.

LEIA MAIS: Morrissey é super-herói em quadrinhos do The Smiths; veja fotos

The Smiths ganha box especial com todos os discos e singles

“Eu andava bravo com a imprensa, porque há certas revistas na Inglaterra que não colocam nada na capa além de McCartney/Lennon, Michael Stipe e Bono. Eles acham que pessoas como eu, Jon Bon Jovi e Lemmy são idiotas. Vendemos mais discos que Morrissey e penso que sou um melhor cantor que ele. Ainda assim, pensam que ele é mais legal porque esteve no The Smiths“.

Depois de jogar a sujeira no ventilador, o músico tentou contornar um pouco a situação. “Não tenho nada contra Morrissey, mas contra a imprensa que pensa assim”, afirmou.

Famoso por suas declarações controversas – o cantor chegou a usar uma camiseta contra um site de seus próprios fãs em um show – é claro que Morrissey não poderia deixar a oportunidade passar e contra-atacou. “Ouça When Love and Hate Collide [música do Def Leppard de 1995] e depois All You Need Is Me [single de Morrissey, de 2008]. Me pergunto quem escreveu a melhor música. Olhando para as fotos, não tenho dúvidas sobre quem se veste melhor. Couro negro e cabelo comprido… Uh, que medo!”, devolveu o cantor.

Só que pra variar, Moz não se deu por satisfeito e continuou as críticas. “Joe Elliott é um babaca e o baterista do Def Leppard é um agressor de esposas com apenas um braço”, alfinetou, referindo-se ao baterista Rick Allen, que perdeu o braço em um acidente de carro em 1984.

“Talvez se eu contratasse um monte de guitarristas manetas e bateristas pernetas, a correta imprensa musical desistiria de abusar da minha banda, já que estaríamos dando oportunidades aos deficientes. Para conseguir reviews positivos, definitivamente não preciso de músicos sem membros”, destruiu.

Sem mais artigos