Yoko Ono decidiu processar o último assistente pessoal de John Lennon Frederic Seaman, após ele divulgar detalhes da vida pessoal e profissional do ex-Beatle durante uma entrevista.

Ainda segundo Yoko, Seaman ignorou uma ordem judicial ao dar a contar detalhes da vida íntima de Lennon. A artista plástica pede US$ 150 mil em danos morais.

Esta não é a primeira vez que Yoko processa Frederic Seaman. Em 2002, ela o acusou de roubar fotos e itens pessoas de John Lennon.

Sem mais artigos