Ao contrário do que o nome sugere, o Yuck não dá vontade de torcer o nariz. A banda inglesa conseguiu a façanha de se tornar a nova queridinha da crítica indie-rock antes mesmo de lançar seu álbum de estreia, e o hype ficou tão forte que o grupo chegou a ser chamado de o novo Sonic Youth.

Formado por quatro jovens músicos (dois deles, Daniel Blumberg e Max Bloom, vieram da banda indie Cajun Dance Party), o Yuck ainda está bem longe de ter contribuído para a cena musical o suficiente para ser chamado de novo Sonic Youth. Mas já conquistou uma boa base de fãs por suas melodias caprichadas, muitas guitarras e sonoridade anos 90.

As referências da banda e a evidente vontade de criar melodias emocionantes são os pontos fortes do Yuck, que consegue trazer algumas características do shoegaze e de bandas como Dinosaur Jr, Teenage Fanclub, Pavement e Sparklehorse.

O primeiro álbum do grupo, homônimo, foi lançado em fevereiro deste ano e rendeu vários convites para festivais, como o Primavera Sound e o South By Southwest.

Por enquanto, além das boas referências e do enorme hype trazido pelos elogios da crítica indie-rock, a banda mostra que está com vontade de olhar para o passado sem parecer nostálgico e criar sonoridades originais mesmo com influências facilmente reconhecíveis. Já é um bom começo para quatro garotos recém-saídos do colégio e com pouco tempo de estrada.

Yuck vira sensação do indie-rock com sonoridade anos 90

Sem mais artigos