Uso de estatinas foi considerado "perda de tempo"

Uso de estatinas foi considerado “perda de tempo”

Colesterol alto não é causa de doenças no coração em pessoas idosas e tentar reduzi-lo por meio de drogas como estatinas é “perda de tempo”. A nova diretriz apareceu após uma pesquisa que envolveu 70 mil pessoas e apontou que não há relação entre colesterol “ruim” e a morte prematura de pessoas com mais de 60 anos por problemas cardiovasculares.

A pesquisa foi publicada no BMJ Open, site que reúne informações especializadas para pesquisas médicas, e foi tema de reportagem do jornal inglês The Telegraph.

O estudo apontou que 92% das pessoas com colesterol alto viveram mais. De acordo com os autores, é necessário fazer uma reavaliação da prevenção de doenças vasculares e arteriosclerose uma vez que “benefícios do tratamento com estatina tem sido exagerados”.

A pesquisa foi prontamente contestada por outros acadêmicos. O colesterol alto é comumente causado por dieta pouco saudável, com altos níveis de gordura saturada. O fumo também é um fator causador.

Sem mais artigos