E.L. James, autora de Cinquenta Tons de Cinza, ficou “aterrorizada” quando soube que seu livro seria adaptado para o cinema. Em entrevista ao site Entertainment Weekly, a autora falou sobre a pressão que sente para que o filme seja um sucesso.

“Eu estou aterrorizada. Completamente. Eu fiquei aterrorizada desde o momento em que publiquei o livro. Minha ficava apavorada com tudo, e eu também. É uma forma terrível de crescer. Você não espera esse tipo de sucesso”, afirmou.

“Até agora me confunde. Minha única ambição para os livros era vê-los em lojas. Isso é enorme. E há esses fãs apaixonados. Precisamos fazer da forma certa para eles”, disse.

Ela confessou que hesitou em transformar seus livros em um filme. “Não sabia se era coisa certa a se fazer. Depois, pensei, ‘Eu estou na meia-idade. Quando terei a oportunidade de fazer um filme em Hollywood?’ Isso foi o que me fez decidir. Queria ver se conseguiria me divertir com isso”.

No filme, Jamie Dornan e Dakota Johnson serão os protagonistas do filme, Christian Grey e Anastasia Steele. O filme será dirigido por Sam Taylor-Johnson (O Garoto de Liverpool). Kelly Marcel (Terra Nova) é responsável pelo roteiro.

Autora de Cinquenta Tons de Cinza fala sobre filme do livro: 'Estou aterrorizada'

Sem mais artigos
Sair da versão mobile