Apesar da promessa de fidelidade à mais recente  mulher, Alexia (Carolina Ferraz), Cadinho (Alexandre Borges) voltará a pular a cerca em Avenida Brasil. E pior: o empresário vai trair a atual com suas duas ex-mulheres: Noêmia (Camila Morgado) e Verônica (Débora Bloch). As informações são do blog de Patrícia Kogut, do jornal O Globo.

O casamento com Alexia entra em crise em razão da rebeldia de Paloma (Bruna Griphao), filha do casal, e da chegada de Pilar (Betty Faria), mãe da socialite, ao Rio de Janeiro.

Percebendo que o sexo não é o mesmo e que o casamento não está às mil maravilhas, Cadinho sugere a Alexia um passeio ao Museu de Arte Moderna. Alexia fica indignada com o convite e diz que preferiria até ir a uma peça de teatro. “Artes plásticas?! Dá licença!”, diz a socialite.

Com isso, Cadinho decide ir sozinho à exposição. Lá encontra Noêmia e acaba fazendo sexo com ela dentro de uma instalação que simula o útero materno.

O empresário, então, vai atrás de Verônica. Ele inventa a desculpa de que precisa entregar um presente de aniversário a Conceição, empregada da casa da ex, e consegue visitá-la. Malandro, Cadinho derruba suco de laranja na própria camisa e é auxiliado por Verônica. Os dois acabam transando.

Na saída da casa de Verônica, Cadinho encontra novamente Noêmia, que fica desconfiada com o cabelo molhado do ex. Ainda assim, ela convida o empresário para mais uma noite de sexo, em uma suíte presidencial.

Sem mais artigos