World War Z, com Brad Pitt

Pôster de Guerra Mundial Z

O ator Brad Pitt lamentou nesta quinta-feira (20) a morte de James Gandolfini, a quem qualificou como um “grande ator”, ao inaugurar a 35ª edição do Festival Internacional de Cinema de Moscou com o filme Guerra Mundial Z.

“Hoje de manhã soubemos da triste notícia da perda de um grande ator, James Gandolfini. Ele nos ensinou muitas coisas. Lembraremos dele para sempre”, disse Pitt aos presentes no cinema Rossía, da capital russa.

“Tenho certeza que James gostaria que o espetáculo continuasse, portanto, vejam o filme e aproveitem”, acrescentou.

Após essas palavras, os presentes na cerimônia de inauguração do festival se levantaram e fizeram um minuto de silêncio, segundo as agências locais.

O astro trabalhou com Gandolfini no filme A Mexicana (2001), que também teve a participação de Julia Roberts.

Gandolfini, conhecido por interpretar o mafioso Tony Soprano na popular série de TV Família Soprano, morreu na quarta-feira (19) aos 51 anos em Roma, onde passava férias, aparentemente vítima de infarto.

Brad Pitt lamenta a morte do 'grande ator' James Gandolfini

Sem mais artigos