O primeiro teaser de Star Wars: Rogue One deixou os fãs da saga mais do que empolgados com esta primeira história paralela, que se passa antes de Uma Nova Esperança. Outro fator que deixou a internet de olhos bem abertos foi a aparição da personagem Jyn Erso, vivida por Felicity Jones. Depois de Daisy Ridley como Rey em O Despertar da Força, teremos mais uma heroína nas telonas? Ao que tudo indica, sim.  Nascida em 17 de outubro de 1983, Felicity Jones é uma atriz inglesa que começou sua carreira profissional bem cedo, aos 12 anos, no teatro. Durante todo o período, ela se dedicou ao estudo de atuação e participou de peças e até de uma radionovela da BBC, chamada The Archers.  No fim dos anos 2000, sua carreira no cinema começou a engrenar com papéis mais relevantes, como em Loucamente Apaixonados (2011) ou O Espetacular Homem Aranha 2: A Ameaça de Eletro (2014).  E foi em 2014 que participou do aclamado A Teoria de Tudo, cuja personagem lhe rendeu indicações ao Globo de Ouro e Oscar.  Aos 32 anos, Felicity agora enfrenta o desafio de entrar em uma das franquias de maior sucesso do cinema mundial como Jyn Erso, líder de um time da Aliança Rebelde que busca informações sobre  uma arma secreta do Império Galáctico.

Site oficial/Reprodução Aos 32 anos, Felicity agora enfrenta o desafio de entrar em uma das franquias de maior sucesso do cinema mundial como Jyn Erso, líder de um time da Aliança Rebelde que busca informações sobre uma arma secreta do Império Galáctico.

Rogue One: Uma História Star Wars estreia nesta quinta-feira (15) nos cinemas brasileiros e traz como protagonista a personagem Jyn Erso, vivida por Felicity Jones. Depois de Daisy Ridley como Rey em O Despertar da Força, teremos mais uma heroína nas telonas? Ao que tudo indica, sim.

Nascida em 17 de outubro de 1983, Felicity Jones é uma atriz inglesa que começou sua carreira profissional bem cedo, aos 12 anos, no teatro. Durante todo o período, ela se dedicou ao estudo de atuação e participou de peças e até de uma radionovela da BBC, chamada The Archers.

No fim dos anos 2000, sua carreira no cinema começou a engrenar com papéis mais relevantes, como em Loucamente Apaixonados (2011) ou O Espetacular Homem Aranha 2: A Ameaça de Eletro (2014).

E foi em 2014 que participou do aclamado A Teoria de Tudo, cuja personagem lhe rendeu indicações ao Globo de Ouro e Oscar.

Aos 32 anos, Felicity agora enfrenta o desafio de entrar em uma das franquias de maior sucesso do cinema mundial como Jyn Erso, líder de um time da Aliança Rebelde que busca informações sobre  uma arma secreta do Império Galáctico.

No início do trailer, Jyn aparece presa enquanto ouve todos os crimes que cometeu, como falsificação de documentos, agressão e resistência à prisão. No Twitter, fãs do filme especularam que Jyn poderia ser mãe de Rey. Será?


Sem mais artigos