Criadora das séries Grey’s Anatomy e Scandal, a norte-americana Shonda Rhymes diz que ainda há muito preconceito velado na TV dos Estados Unidos. O site Hollywood Reporter revelou que os roteiros de Rhimes não descrevem a cor ou origem étnica de seus personagens.

“As pessoas só incluem uma descrição étnica em roteiros quando o personagem não é branco; o que constitui uma estranha suposição de que o normal é que os personagens sejam brancos”, diz.

Nesta semana, Shonda recebeu, ao lado de Betsy Beers, O Diversity Awards do The Director’s Guild Of America. A categoria honra profissionais da indústria do entretenimento que fizeram contribuições para a causa da diversidade racial na mídia norte-americana.

Sem mais artigos