Will Smith não voltará para as duas sequências de Independence Day, se depender do diretor Roland Emmerich. Em entrevista à revista Entertainment Weekly, o cineasta, que dirigiu o filme original de 1996, disse que não quer a estrela em ID Forever Part 1 e ID Forever Part 2 por considerá-lo “grande demais” para os longas.

“Eu não quero ter o Will novamente. Ele é grande demais para um filme como esse. Seria um filme do Wil Smith. Independence Day nunca foi sobre uma pessoa, sempre foi sobre um grupo”, argumentou o cineasta.

Bill Pullman, que viveu o presidente dos Estados Unidos no primeiro filme, estará de volta ao papel. A história deve se passar 20 anos depois dos acontecimentos do longa original, e os protagonistas serão uma “nova geração” de heróis.

Em Independence Day, Will Smith viveu o capitão Steven Hiller, piloto incubido da missão de combater alienígenas invasores da Terra, munidos de supertecnologia.

Diretor não quer Will Smith em sequências de Independence Day: 'Ele é grande demais'

Sem mais artigos