Caçadores de Obras-Primas, novo filme de George Clooney, será apresentado pelo ator e diretor no Festival de Cinema de Berlim, que acontece em fevereiro na capital alemã. O anúncio foi realizado nesta sexta-feira (8) pelos organizadores do evento.

O anúncio vem bem a tempo da descoberta – e subsequente polêmica – de 1400 obras de arte encontradas em uma casa abandonada em Munique, Alemanha, que foram confiscadas pelos nazistas. Entre elas, pinturas de artistas como Picasso, Matisse e Renoir.

O Berlinale, que já deu o prêmio de Melhor Atriz a Fernanda Montenegro por Central do Brasil, acontece de 6 a 16 de fevereiro. Para o diretor do festival, Dieter Kosslick, o filme é mais relevante do que nunca. “Mais de 5 milhões de objetos culturais roubados por nazistas retornaram ao seu país de origem nos após a Guerra Mundial”, declarou. “Caçadores de Obras-Primas dá este assunto uma audiência global”, conta.

O filme, baseado em um livro e Robert M. Edsel chamado The Monuments Men: Allied Heroes, Nazi Thieves, And The Greatest Treasure Hunt In History mostra uma equipe de diretores, curadores e historiadores que procurava obras de arte e as devolvia aos respectivos donos. No elenco estão Jean Dujardin, Matt Damon, Bill Murray, Cate Blanchett e John Goodman. A estreia norte-americana acontece em 7 de fevereiro.

A abertura do Berlinale terá exibição do novo filme de Wes Anderson, The Grand Budapest Hotel.

Sem mais artigos