O veterano roteirista, produtor e diretor George Lucas está desgostoso com o cinema praticado na Hollywood atual. O criador da saga espacial Star Wars desabafou suas opiniões durante debate no Festival de Sundance, na quinta-feira (29).

O debate se chamava O Poder da Estória: Visões da Independência, e contou com a presença de Robert Redford, fundador do Festival de Sundance. E Lucas disparou: “Muitos filmes vistos atualmente são circo”.

George Lucas disse ainda que a maioria da produção contemporânea não tem “substância”. E ele acabou se defendendo ao analisar sua própria saga: “Se você fôr ver Star Wars e analisar o que tem ali, vai ver que tem muito mais substância do que circo”.

“No processo de Star Wars, não haviam empresas de efeitos visuais, eu tive de fundar uma”, disse, referindo-se à Industrial Light and Magic. A opinião de Lucas mostra que ele acredita que, em seus filmes, os efeitos serviam à história do filme, e não o contrário – que é o que acontece hoje, geralmente.

O fato é que as opiniões de Lucas surgem em um momento onde ele é quase um dinossauro – após vender a Lucasfilm para a Disney, Lucas afastou-se de sua saga e não está envolvido na nova trilogia – cuja primeira parte, O Despertar da Força, estreia em dezembro.

George Lucas, diretor de "Star Wars"

Sem mais artigos