O ator Johnny Depp revelou em uma entrevista recente que quase foi demitido pela Disney por causa de sua interpretação “pouco convencional” como o Capitão Jack Sparrow, em Piratas do Caribe.

O ator de The Rum Diary disse que estava animado para mergulhar de cabeça na vida do pirata, mas que os executivos da Disney não conseguiam “entender” sua interpretação.

“Estou muito feliz por conseguir explorar todas as possibilidades e mergulhar de cabeça na vida de um personagem”, disse Depp ao apresentador Larry King, em um programa especial da CNN.

“Eles não conseguiam entender o que eu estava fazendo. Sabe? Chegou a um ponto em que a Disney queria me demitir. Eles não entenderam o personagem.”

O ator descreve o primeiro Piratas do Caribe como sendo o “filme mais importante” de sua carreira, e revelou que gostaria de explorar Capitão Jack Sparrow em um quinto filme da franquia.

“Continuo gostando do personagem, Capitão Jack é um dos que eu gostaria de explorar mais.”, adicionou. “Ele é divertido. É a sua diversão. É a possibilidade de ser totalmente irreverente”.

Atuar na franquia rendeu a Johnny Depp mais de US$350 milhões. Isso o torna o ator mais bem pago de Hollywood.

Sem mais artigos