Leona Cavalli, que ficou com o papel da prostituta Zarolha em Gabriela, próxima novela global das 11, promete cenas quentes e ousadas de sua personagem. Em entrevista ao blog de Patrícia Kogut, do jornal O Globo, ela contou que nunca havia feito cenas tão sensuais na televisão.

“Vão ser mostradas cenas bem ousadas, pois há muita sensualidade envolvida. Na TV, nunca fiz sequências assim, mas estou tranquila. A personagem é tão bacana que, com certeza, nada será gratuito”, disse Leona, à publicação. Na trama, ela vive um romance com o personagem de Humberto Martins, Nacib.

A atriz conta, ainda, que participará de cenas polêmicas. Em uma delas, Zarolha participa de uma procissão ao lado das meninas do prostíbulo Bataclan e coloca o manto sobre a Santa Maria Madalena. Em meio à polêmica gerada pelo ato, ela lidera uma greve de prostitutas.

O papel de Zarolha seria, inicialmente, destinado a Flávia Alessandra e, posteriormente, a Cláudia Raia. A Globo, no entanto, bateu o martelo no nome de Leona Cavalli na última semana. Na versão original, de 1975, a personagem foi interpretada por Dina Sfat.

A novela Gabriela é inspirada na novela Gabriela, Cravo e Canela, de Jorge Amado, e tem roteiro assinado pelo dramaturgo Walcyr Carrasco. O folhetim, protagonizado por Juliana Paes, deve estrear no próximo dia 19 de junho.

Sem mais artigos