A atriz queniana nascida no México Lupita Nyong’o afirmou neste domingo, ao chegar ao tapete vermelho do Oscar, que se sente “abençoada” pelo sucesso que conquistou em seu primeiro papel, uma escrava em 12 Anos de Escravidão, pelo qual concorre à estatueta.

Lupita, que completou ontem 31 anos, foi a cerimônia da Academia de Hollywood com um vestido de Prada feito especificamente para ela, contou ao canal E! Entertainment, azul porque a cor a lembra Nairóbi.

“Queria ter um pouquinho da minha casa aqui”, comentou a atriz, favorita ao prêmio de melhor atriz coadjuvante.

Ela confessou nunca ter sonhado em participar da cerimônia do Oscar, porque em seu país não tinha conhecimento da existência do evento, que se familiarizou adolescente, quando começou a estudar nos EUA.

Hoje ela disse se sentir “abençoada” por seu “primeiro trabalho logo após sair da escola (de interpretação) ter tido tanto reconhecimento”, apontou.

A cerimônia da 86ª edição do Oscar começa às 22h30 (de Brasília) no teatro Dolby, em Los Angeles.

Veja aqui pacotes da CI para você também curtir o Top of the Pops

Sem mais artigos