Símbolos do stress no trânsito para muitos, ferramenta de trabalho ou simplesmente uma paixão para outros, aproximadamente 15 milhões de motos estão em circulação no Brasil. Por isso, nesta sexta (27), o que não falta é gente para comemorar o Dia do Motociclista.

E se até hoje muita gente enxerga uma moto como um símbolo de liberdade, grande parte da responsabilidade pertence ao cinema. Desde que Marlon Brando, ainda nos anos 50, eternizou em cima de uma sua imagem de rebelde, vários outros filmes se encarregaram de reforçar o estereotipo da motocicleta como um instrumento para fugir do tédio, da vida “certinha” e careta e romper barreiras.

Na galeria acima, o Virgula Diversão lembra algumas produções nas quais as motos têm um papel fundamental, quase dividindo o posto de protagonista com seus pilotos.


Sem mais artigos