Depois do excesso de trabalho com Django Livre, Quentin Tarantino pretende se estressar menos em sua próxima produção.

Em uma conversa com a revista francesa Les InRockuptibles, o cineasta foi questionado sobre o que pretende fazer a seguir e respondeu: “Tenho uma vaga ideia. Um filme ‘menor’ que Django Livre, no estilo de Jackie Brown”, mencionando seu terceiro longa, lançado em 1997 e protagonizado por Pam Grier.

 

Aparentemente, Tarantino procura um ambiente mais tranquilo após realizar um filme que sofreu com atrasos de cronograma, alterações no roteiro e trocas de atores – Sacha Baron Cohen e Joseph Gordon-Levitt deixaram o elenco em cima da hora e Anthony LaPaglia, que também saiu, disse que a situação chegou a ficar “fora de controle”.

De qualquer forma, é sempre difícil confiar 100% no que o diretor anuncia. Antes de falar com a publicação francesa, ele já havia apontado a possibilidade de fechar uma trilogia iniciada com Bastardos Inglórios e Django Livre contando a história de soldados negros na II Guerra Mundial, de um spinoff de Bastardos Inglórios chamado Killer Crow, de um filme sobre gângsteres e até de outro western. Isso tudo antes, claro, de sua suposta aposentadoria, que ele planeja para “antes de ficar velho”.


Sem mais artigos