A denúncia de que o filho de Raul Gil cobraria “pedágio”, o famoso jabá, de gravadoras para que cantores se apresentam no programa do pai no SBT está sendo investigada pela emissora, segundo a revista Veja. O pedido teria vindo de José Roberto Maciel, vice-presidente do SBT.

Ainda de acordo com a publicação, o valor que seria pedido por Raul Gil Jr. vai de 20 a 50 mil reais. Procurada pela reportagem do Virgula Diversão, a assessoria de imprensa do canal não respondeu até a publicação desta nota. 

Sem mais artigos