Tadeu Schmidt, apresentador e comentarista de futebol do Fantástico, revelou em entrevista ao jornal Extra que adoraria narrar partidas de futebol. “Não sei se tenho um talento natural para isso, tenho dificuldade para identificar os jogadores de longe. Então precisaria treinar muito”, explica. “Mas eu adoraria narrar”, garante.

Tadeu, que assumiu há pouco tempo a apresentação do dominical da TV Globo ao lado de Renata Vasconcellos, falou ainda sobre o seu estilo descontraído e didático ao falar de futebol em frente às câmeras.

“Fico orgulhoso quando alguém diz que eu mudei a forma de fazer jornalismo esportivo, mas sei que apenas dei minha contribuição. Antes de mim, Tino Marcos e Marcos Uchôa mudaram os rumos da cobertura esportiva num período. Depois veio Régis Rösing e, depois, eu. Tem ainda o Alex Escobar e o Tiago Leifert, que estão dando as contribuições deles. Cada um dá a sua”, conta.

Sem mais artigos