Rita Cadillac revelou que teve de “tomar todas” para poder gravar as cenas dos filmes pornográficos que estrelou. A declaração foi dada pela ex-participante do programa A Fazenda ao apresentador Roberto Justus, no programa Roberto Justus+, que vai ao ar nesta segunda-feira (19), à meia-noite, na TV Record. “Fazer filme pornô não é a minha praia, tive de tomar todas pra conseguir fazer as cenas”, explicou.

Durante a entrevista, Rita falou ainda sobre os desentendimentos que teve com outros participantes do reality-show – apesar de ter sido considerada uma mãe pelos outros peões. A dona do hit É bom Para o Moral estrelou oito filmes pornográficos: Sedução (2004), Sexo no Salão (2005), A Primeira vez de Rita Cadillac (2006), Sexo no Salão 2006, Sexo no Salão 2007, À Flor da Pele (2007), Fogosas e Furiosas (2007) e Puro Desejo (2008). 

Outro participante da sexta edição da atração, Ivo Meirelles falou sobre sua experiência na presidência da escola de samba carioca Mangueira. “Assumi a Mangueira com uma dívida de 6 milhões, deixei uma de 3”, disse. Ivo foi eliminado da Fazenda no último dia 7; Rita saiu no dia 23 de julho.

Sem mais artigos