Boogie Oogie Primeiro Capítulo

Boogie Oogie estreou nesta segunda (04/08) às 18h na Globo

Boogie Oogie é a nova novela das 18h da Globo, e estreou nesta segunda (04). Como já se sabe, a trama se passa no Rio de Janeiro no ano de 1978, em plena Copa do Mundo – que acontecia então na Argentina.

E como era de se esperar, a reconstituição de época da novela exibiu um excelente esforço de produção e direção de arte. Mas, como também costuma acontecer nesses casos, alguns tropeços ocorreram. Confira a seguir o Top Ten de gafes históricas no primeiro capítulo de Boogie Oogie:

10. Figurantes com figurinos anacrônicos
Na cena em que Marco Pigossi e Ísis Valverde conversam na rua, figurantes masculinos vestiam camisetas largas, com mangas um tanto grandes – algo impossível em 78, quando a moda primava por roupas extremamente justas.

9. Trilha antecipada
Alessandra Negrini desceu de um táxi ao som de Heart of Glass, do Blondie. Mas a novela se passa em 78, e essa música só estourou em 79.

8. Jaqueta antecipada
A jaqueta de aviador de Marco Pigossi está um pouco adiantada – mais parece o modelito usado por Tom Cruise em Top Gun (1985).

7. Unhas pretas?
Bianca Bin, deprimida na cama, exibiu unhas pintadas de preto – ela entrou numa máquina do tempo? Basta ver a reprise de Dancin’ Days no Canal Viva para comprovar: todas as mulheres usavam unhas vermelhas ou, no máximo, bordô.

6. Cabelos atuais
Faltou pesquisa para alguns cabelos. O penteado de Marco Pigossi, o cabelo de Bianca Bin e o de Deborah Secco soam um tanto atuais – lisos em excesso, numa década que primava pelos cabelos crespos, ensebados e com muito volume.

5. Negrini gótica
Alessandra Negrini também está na novela errada. Todo o look da personagem, incluindo cabelos e roupas, soam totalmente anos 80, na linha gótica. Ela está mais para Madame Satã (clube paulistano dos 80’s) do que para Dancin’ Days.

4. Cadê as sobrancelhas feitas?
A época tinha como forte tendência as sobrancelhas “feitas”, finas. Em Boogie Oogie, não apareceu ninguém com sobrancelha “mexida”.

3. Figurino de Bianca Bin
Além do cabelo, todos os figurinos usados por Bianca Bin parecem fora de época. A personagem parece uma mistura de anos 80, com 90, com 2000. Uma salada, mas não tem nada a ver com 78.

2. Loja
A loja na qual Giulia Gam e Betty Faria se encontram parece uma loja atual que tenta simular os anos 70. É futurista, com as roupas expostas como num brechó. Não se parece com as lojas de 78.

1. Discoteca
Assim como ocorreu no filme brasileiro Novela das Oito (2011), que também se passa em 78, a ambientação da discoteca parece uma festa vintage realizada em 2014. Figurinos exagerados (as pessoas parecem estar numa festa à fantasia), iluminação, piso e decoração com cara de casa noturna moderna. Não se parece com as discotecas mostradas em Dancin’ Days ou em filmes como Os Embalos de Sábado à Noite (1977), Até Que Enfim é Sexta-Feira (1978), Boogie Nights (1997, que recria com precisão exata o final dos 70) e o brasileiro Sábado Alucinante (1979).

Enfim, é compreensível que a produção tenha optado por estilizar a época, exibindo apenas alguns signos e símbolos, para passar um “clima” de 78. Mas a impressão que fica é a de uma direção de arte um tanto irregular e imprecisa. Resta saber se esses “detalhes” atrapalharão ou não a audiência e o Ibope da novela.

Veja as 10 gafes históricas do primeiro capítulo de Boogie Oogie

Sem mais artigos