CINE WINDSOR
Av. Ipiranga, 974.

Mostra Zé do Caixão

18h00 – Curta Mojica (3 Filmes)
O universo de Mojica Marins (São Paulo, 1978, 26’) Direção: Ivan Cardoso A vida e a obra do ator, diretor e produtor paulista José Mojica Marins, penetrando em seu estúdio e mostrando o seu mundo.

A Lasanha Assassina (São Paulo, 2002, 8’) Direção: Ale McHaddo Uma sátira aos filmes de terror, com apresentação do próprio mestre do horror brasileiro: Marins, José Mojica. Uma lasanha é deixada no refrigerador e sofre uma mutação, tornando-se um monstro asqueroso.

Pesadelo Macabro (São Paulo, 1968, 31’) Direção: José Mojica Marins Elenco: Mario Lima, Vani Myller, Nelson Gaspari, Ingrid Wolti Ao ver sua noiva brutalizada por marginais, o rapaz sofre um ataque cataléptico e é enterrado vivo.

20h00 – A Sina do Aventureiro
Após ser baleado fugindo de um tiroteio, o bandido Jaime cai à margem de um rio, onde é socorrido por duas belas jovens. Ele envolve-se romanticamente com Dorinha, filha de um fazendeiro e, por amor a ela, entrega-se à polícia. Ao sair da prisão, Jaime tem que enfrentar Xavier, um bandido sanguinário que planeja vingar-se do pai de Dorinha.

22h00 – Ritual dos Sádicos (O Despertar da Besta)
Um psiquiatra injeta LSD em quatro voluntários para estudar os efeitos do tóxico sob a influência da imagem de Zé do Caixão. O personagem aparece de maneira diferente nos delírios psicodélicos de cada um, misturando sexo, perversão e sadismo.

00h00 – À Meia-Noite Levarei Sua Alma
Zé do Caixão, na expectativa de gerar um filho perfeito, não hesita em assassinar as mulheres e os homens que involuntariamente impedem a concretização de seu desejo. Uma cigana, contudo, prediz o terrível castigo que o vitimará.

02h00 – Esta Noite Encarnarei no Teu Cadáver
Zé do Caixão tenta encontrar, através de provas de sadismo, a donzela que será a mãe de seu filho, indispondo-se contra a população, sonhando com o Inferno e morrendo vingado pelas vítimas de seus crimes.

04h00 – O Estranho Mundo de Zé do Caixão
Elevado ao estado inatingível dos seres sobrenaturais, Zé do Caixão desfia sua filosofia e apresenta três contos. Em O Fabricante de Bonecas, marginais invadem a casa de um velhinho e descobrem o segredo da confecção de suas bonecas. Em Tara, um vendedor de balões fantasia uma paixão doentia por uma garota que ele segue obsessivamente pelas ruas. Em Ideologia, o excêntrico Professor Oãxiac Odéz tenta provar a um rival que o instinto prevalece sobre a razão, usando métodos nada ortodoxos. Classificação Indicativa: 14, não recomendado para menores de 14 anos

06h00 – Finis Hominis
Um homem completamente nu emerge do mar e caminha tranquilamente pelas ruas da cidade, causando espanto geral e interferindo de várias maneiras em episódios cotidianos, sempre em busca de justiça. Assumindo o nome Finis Hominis, ele é tido pela população como um messias moderno, capaz de operar milagres.

08h00 – Delírios de um Anormal
Um psiquiatra, obcecado pela figura de Zé do Caixão, passa a ter delírios nos quais sua esposa é raptada pela malévola criatura. José Mojica Marins, criador do personagem, procura auxiliá-lo e, por meio de hipnotismo, provoca uma luta ferrenha entre as forças do mal e do bem.

10h00 – Encarnação do Demônio
Após 30 anos preso numa cela para doentes mentais, Zé do Caixão é finalmente libertado. Novamente em contato com as ruas, o sádico coveiro está decidido a cumprir a mesma meta que o levou preso: encontrar a mulher que possa lhe gerar um filho perfeito. Em seu caminho pela cidade de São Paulo, deixa um rastro de horror, enfrentando leis não-naturais e crendices populares.

14h00 – Inferno Carnal
Jorge é um cientista. Raquel, sua mulher, tem um amante, Oliver, e, para viver com ele em liberdade, atira no marido um vidro de ácido. Jorge, porém, não morre e passa a seguir de longe os passos de Oliver e Raquel. Recuperada de um acidente que quase a deixa paralítica, Raquel resolve voltar para Jorge. Deformado, o marido não quer aceitar o sacrifício da esposa arrependida.

16h00 – A Estranha Hospedaria dos Prazeres
Durante uma noite de tempestade várias pessoas se abrigam numa estranha hospedaria de estrada – um casal de noivos, três industriais, um grupo de motoqueiros, um gigolô, uma adúltera, entre outros; revelam seus problemas afetivos e sexuais e descobrem que o local se encontra no além, destinada a abrigar os que partiram desta vida e não alcançaram o estado da graça.

18h00 – Profeta da Fome
Baseado em A Estética da Fome, de Glauber Rocha, o longa conta a história de um faquir de circo de interior, representado por José Mojica Marins — o Zé do Caixão — que acaba se transformando numa espécie de “santo” graças à “industrialização de sua fome”, transformando sua desgraça em atração popular.

CINE DOM JOSÉ

Tema: Cinema Catástrofe

18h10 – O Dia Depois de Amanhã (2004)
A Terra sofre alterações climáticas que modificam drasticamente a vida da humanidade. Com o norte se resfriando cada vez mais e passando por uma nova era glacial, milhões de sobreviventes rumam para o sul. Porém o paleoclimatologista Jack Hall segue o caminho inverso e parte para Nova York, já que acredita que seu filho Sam ainda está vivo.

20h30 – Guerra dos Mundos (1953)
Humanos ficam intrigados quando um objeto com aparência de meteoro cai na Terra. Mas seus ocupantes definitivamente não são amigáveis. A invasão da Terra a caminho, e as máquinas alienígenas – destruidores veículos suspensos com formato de “cisnes” – são ao mesmo tempo belos e aterrorizantes, enquanto fazem uma trilha de devastação.

22h10 – O Dia em que a Terra Parou (1951)
Desapontado em seus esforços de encontrar-se com os líderes mundiais e alerta-los que a Terra está à beira de extinção, o alienígena, Klaatu (Michael Rennie), vai para as ruas. O pedido de paz de Klaatu recebe a solidariedade de uma jovem e bela mulher (Patrícia Neal) e de um eminente cientista (Sam Jaffe), mas o resto da humanidade reage com desconfiança, medo e violência. Com o tempo se esgotando, Klaatu é forçado a demonstrar seus fantásticos poderes em uma exibição espantosa, ensinando a todos os seres humanos uma lição duradoura.

00h00 – O Destino do Poseidon (1972)
Um navio de passageiros é varrido por uma onda gigantesca e acaba de cabeça para baixo. Agora seus passageiros terão que lutar para sobreviver ao mar devastador.

02h10 – O Dia Seguinte (1983)
Década de 80. Em Lawrence, uma pequena cidade próxima a Kansas City, Russell Oakes está ocupado com seus afazeres como chefe de cirurgia do hospital local e a família Dahlberg cuida dos preparativos para o casamento da filha mais velha. Paralelamente o exército russo invade Berlim Oriental, o que cria uma crise entre a União Soviética e os Estados Unidos. Logo ambos os lados enviam seus mísseis nucleares, na intenção de vencer a guerra. Nos Estados Unidos um dos alvos é Kansas City, onde estão armazenados dezenas de mísseis nucleares.

04h30 – Viagem ao Fundo do Mar (1961)
Uma expedição científica de rotina ao Pólo Norte transforma-se em uma corrida para salvar a vida sobre a Terra, quando um cinturão de radiação no espaço incendeia-se e começa a aquecer o planeta de maneira incontrolável.

06h30 – Impacto Profundo (1998)
Um cometa do tamanho do Texas está em rota de colisão com a Terra, e a tentativa da NASA de explodi-lo falha. Agora, enquanto o governo dos EUA realiza um sorteio nacional para decidir quem poderá se refugiar em abrigos subterrâneos, o resto da população tem de se preparar para o fim que virá com o impacto.

08h40 – Terremoto (1974)
O pior e mais catastrófico terremoto de todos os tempos irrompe no sul da Califórnia, destruindo a cidade de Los Angeles e arrasando a vida de todos os que Iá vivem com ondas de grande intensidade.

11h00 – Aeroporto (1970)
Mel Bakersfield é o administrador durão do Lincoln International Airport que tenta manter o aeroporto aberto a despeito de uma violenta tempestade de neve proveniente do centro-oeste e de uma esposa irada. Nesse meio tempo, o cunhado Vernon Demerest, seu opositor, pode ver seus planos de uma plácida parada na Itália interrompidos por notícias inesperadas de Gwen Meighen e pelos planos de Guerrero, o franco-atirador a bordo.

13h30 – A Travessia de Cassandra (1976)
Terrorista sabota um laboratório químico, onde se contamina com vírus letal e embarca em um trem. A polícia desvia o trem de sua rota para evitar a contaminação das cidades enquanto persegue o criminoso.

16h00 – Cloverfield Monstro (2008)
Nova York sob ataque, estremece, sendo aniquilada. Tudo é registrado por uma câmera amadora que mostra o ponto de vista de quem tenta desesperadamente sobreviver ao terror do completo aniquilamento de Manhattan.

17h40 – Inferno na Torre (1974)
Durante uma luxuosa festa de inauguração de um luxuoso prédio, surge uma ameaça aos famosos convidados: fogo.

CINE OLIDO
Rua Cap. Salomão, 101

Tema: Cinema Canibal

18h00 – Cannibal Ferox (1981, 95’)
Uma repórter em viagem por selvas tropicais encontra uma tribo de canibais que fora atacada por um traficante e procura vingança.

20h00 – Mundo Canibal (1972, 93’)

22h00 – Zumbi Holocausto (1980, 84’)
Dr. Peter Chandler (McCulloch) e um repórter chamado Lori (Delli Colli) descobrem rastros de canibalismo em Nova Iorque. Seguindo a trilha das atividades canibalísticas, eles chegam a uma remota ilha onde um cientista louco realiza experiência com reanimação de cadáveres. O resultado da experiência são quatro mortos-vivos que disputam a carne humana dos turistas com os canibais da ilha…

00h00 – Cannibal Holocaust (1980, 95’)
Professor da Universidade de Nova York vai atrás de uns documentaristas perdidos, quando esses saíram para filmar na Amazônia. Lá chegando, ele descobre os horrores que eles passaram nas mãos de canibais.

02h00 – Dragão Vermelho (2003, 124’)
Anthony Hopkins retorna a sua extraordinária e mais impressionante atuação, como o maligno Dr. Hannibal Lacter. O agente do FBI Wil Graham (Edward Norton, O Clube da Luta) é Chamado para capturar um serial killer conhecido como Fada do Dente. Para interromper os crimes brutais, Graham tem que deixar Lacter entrar em sua mente. Prepare-se para os tormentos de Graham ao confrontar o brilhante e sinistro Lecter neste suspene arrepiante. Com um elenco extraordinário, incluindo o indicado para o Oscar® Ralf Fiennes, a vencedora do Oscar® Emily Watson, além de Harvey Keitel, Mary Louse Parker e Philip Seymour Hoffman. Para entender a origem do mal, você tem que voltar ao início.

04h30 – O Silêncio dos Inocentes (1990, 118’)
Esta aterrorizante obra-prima recebeu cinco Oscars®, incluíndo Melhor Diretor e Melhor Filme. Um psicopata conhecido como Buffalo Bill está raptando e assassinando jovens mulheres. Acreditando que um bandido reconhece o outro, o F.B.I. envia a agente Clarice Starling (Foster) para entrevistar um prisioneiro demente que pode fornecer uma percepção do perfil psicológico e pistas para os atos do assassino. O prisioneiro é um psiquiatra, Dr. Hannibal Lecter (Hopkins), um brilhante e perigoso canibal, que decide ajudar Starling apenas se ela alimentar sua curiosidade mórbida com detalhes sobre sua própria complicada vida. Este horrendo assassino, uma encarnação tão poderosa do mal, que ela pode não ter coragem – ou forças – para detê-lo! Pavoroso, intrigantemente erótico e íntimo … este thriller assustador é um exercício eletrizante da arte do suspense

06h30 – Hannibal (2001, 131’)
O silêncio foi quebrado… Anthony Hopkins volta como a mais pura e “perfeita perversão” e Julianne Moore “ressurge triunfante” (Rolling Stone) nesta arrepiante seqüência do vencedor do Oscar® O Silêncio dos Inocentes. Hannibal é aterrorizante e recheado de um visual chocante que você precisa ver para crer! Dez anos se passaram desde que a agente do FBI Clarice Starling confrontou-se com o Dr. Hannibal Lecter. Mas agora a espera acabou. O assassino ressurge pronto para enlaçar Clarice no seu jogo de gato e rato. Apesar dela não ser a única interessada em sua captura… Quem irá prevalecer?

09h00 – A Máquina do Tempo (1960, 103’)
Final do século XIX. George (Rod Taylor) é um cientista que, cansado da ignorância de seu tempo, decide construir uma máquina do tempo. Ele sonha em conhecer o futuro, onde acredita que encontrará a paz entre os homens. Porém, ao conseguir realizar a viagem, George se surpreende com o que encontra. A raça humana está dividida em duas, sendo que na superfície as pessoas são pacíficas e nos subterrâneos elas são deformadas e canibais. Para retornar à sua época George precisa ir até os subterrâneos, já que sua máquina do tempo está com o povo que lá vive.

11h00 – Quadrilha dos Sádicos (1977, 89’)

13h00 – A Noite dos Mortos Vivos (1968, 96’)
Clássico absoluto do mestre do cinema de horror George Romero, A Noite dos Mortos Vivos foi o filme que inventou o gênero “filmes de zumbi” e é cultuado até hoje por cineastas de várias gerações.

15h00 – O Canibal (2006, 90’)
Katie, uma americana que mora na Alemanha, está fazendo uma tese para o curso de Psicologia Criminal sobre Oliver Hatwin – um homossexual assassino e canibal. Oliver encontrou pela internet um amante que queria ser assassinado e devorado como símbolo de auto-sacrifício e de uma ato de amor levado ao extremo. Se aprofundando nas histórias de vida dos dois homens – desde a infância até a idade adulta – katie se vê cada vez mais envolvida, com suas emoções mais à flor da pele e tomando conta de sua própria vida. Até encontrar uma fita com a gravção dos últimos momentos da vítima de Oliver: testemunhas o flerte entre os dois homens, e depois, o assassinato cruel e atroz praticado por Oliver foi muito maos do que ela podia suportar.

17h00 – Primitives (1980, 90’)

PALÁCIO DO CINEMA

Tema: Divas na Telona/Cinema para ver e dançar

Sala 1
Cinema pra Ver e Dançar

18h00 – Um Dia em Nova Iorque (1949)
Gabey (Gene Kelly), Chip (Frank Sinatra) e Ozzie (Julis Munshin) são três jovens marinheiros que ganham um dia de folga e decidem aproveitar tudo o que podem nestas 24 horas. Eles acabam se apaixonando pelas belas Brunhilde (Betty Garret), Claire (Ann Miller) e Ivy (Vera-Ellen).

20h00 – Cabaret (1972)
Na Berlim de 1933, cantora americana se transforma em atração no Kit Kat Club. Sua vida, carreira e amores se desenvolvem paralelamente.

22h10 – Hedwig – Rock, Amor e Traição (2001)
Uma adaptação da aclamada peça homônima do circuito off-Broadway, o filme “Hedwig – Rock, Amor e Traição” conta a história de uma cantora drag de rock ´internacionalmente ignorada, Hedwig, e sua busca pelo estrelato e pelo amor.

00h00 – The Big Gay Musical (2009)
Eddie e Paul são gays e buscam o amor. Em meio a conflitos pessoais, Eddie sai do armário e enfrenta o ódio de sua família, enquanto Paul é mais descolado. Até que depois de terapias de conversão, retiros espirituais, situações hilárias, eles decidem que é preciso aceitar o que Deus criou.

01h40 – Were the World Mine (2008)
Were the World Mine é uma adaptação do clássico de Shakespeare Sonhos de Uma Noite de Verão em versão gay. A história do filme começa com a angústia de Timothy, que tenta esconder a sua sexualidade numa cidade pequena e preconceituosa.

03h30 – Jesus Cristo Superstar (2000)
Adaptação de peça teatral homônima, o filme relata os últimos dias da vida de Cristo utilizando elementos da cultura contemporânea, como hippies e metralhadoras.

05h30 – Hair (1979)
De passagem por Nova Iorque, um dia antes de se alistar para a ir a Guerra do Vietnã, um rapaz do interior conhece um grupo de hippies, com os quais passa a conviver. Com eles, aprende a ver o outro lado de uma guerra, e se apaixona por uma jovem de família rica.

07h40 – South Park — Maior, Melhor e Sem Cortes (1999)
Versão para o cinema da série da TV americana South Park, na qual quatro garotos, Kyle, Eric, Stan e Kenny esculacham, de forma grosseira e impiedosa, tudo o que é sagrado para o americano comum.

09h30 – Heavy Metal — Universo em Fantasia (1981)
Histórias baseadas numa das mais elogiadas revistas adultas em quadrinhos de ficção científica são transportadas para o cinema. Uma narrativa futurista sobre um brilhante e misterioso globo verde que nos transforma através de uma série de aventuras no passado, no futuro e mais além.

11h10 – Sita Sings the Blues (2008)
Sita Sings Blues é um longa da animadora Nina Paley que faz um misto entre sua própria história ao mesmo tempo que narra o épico indiano Ramayana. Para fazê-lo, foram usadas várias técnicas, como tinta sobre papel, recortes e rotoscopia.

12h40 – Fanaa (2006)
Zooni Baig é cega de nascença e vive em uma pequena cidade de uma area politicamente instavel de Kashmir. Durante uma viagem a Delhi com sua trupe de danca, ela conhece Rehan Khan (Aamir Khan) e os dois se apaixonam. Mal sabe ela que a presenca dele e o afeto que sentem um pelo outro ira coloca-la em um mundo de intrigas politicas e grupos separatistas lutando pela independencia de Kashmir.

16h00 – Eklavya (2007)
À medida que o Reino de Devigarh se despedaça, um veterano guarda-costa tenta proteger a Família Real, assim como fazer com que alguns segredos sombrios nunca sejam revelados.

18h00 – English Babu Desi Mem
Vikram Mayur, é rico, nascido e educado na Inglaterra. Ele tem de viajar à sua terra ancestral em Bombaim, na Índia para visitar Nandu, o filho de oito anos filho de seu falecido irmão. Nandu foi criado por sua tia Bijuriya. Vikram quer levar Nandu para a Inglaterra para aprender o negócio da sua família.

Sala 2
Divas na Telona

18h00 – As Sete Vampiras (1987)

20h00 – Pink Flamingos (1972)

22h00 – As Bruxas de Eastwick (1987)
Em uma pequena e conservadora cidade da Nova Inglaterra, Alexandra Medford (Cher), Jane Spofford (Susan Sarandon) e Sukie Ridgemont (Michelle Pfeiffer), entediadas com a vida que levam, se reúnem todas as quintas para tomar drinques e conversar sobre vários assuntos. O principal deles é um homem ideal e, sem querer, invocam Daryl Van Horne (Jack Nicholson), um ricaço misterioso e carismático que se muda para a localidade e se envolve com as três, satisfazendo os desejos delas mas criando uma guerra dos sexos com conseqüências inesperadas.

00h00 – Dick Tracy (1990)
Tess Trueheart (Glenne Headly) quer apenas ter uma vida tranqüila com seu namorado, Dick Tracy (Warren Beatty), um detetive da polícia. Mas há alguém na cidade bem vil que pode atrapalhar os sonhos dela. Este alguém é Big Boy Caprice (Al Pacino), um gângster que decidiu fazer uma guerra pelo domínio da cidade e comandar todos os bandidos. Além disto há uma bela cantora de boate, Breathless Mahoney (Madonna), que é praticamente irresistível e deseja Tracy só para ela.

02h00 – Minha Mãe é uma Sereia (1990)
Em plenos anos 60, uma espirituosa mãe solteira (Cher) cuida com carinho de suas duas filhas. Mas seu jeito de ser, sexy e descompromissado, cria confusões na cabeça da filha adolescente (Winona Ryder) que, apesar de judia, alimenta sonhos de se tornar uma freira.

04h00 – O Guarda-Costas (1992)
Frank Farmer (Kevin Costner), um guarda-costas altamente eficiente e caro, é contratado para proteger Rachel Marron (Whitney Houston), uma grande cantora e atriz, que está recebendo cartas anônimas e ameaçadoras. Frank é um ex-agente do Serviço Secreto que ainda não se perdoou do sentimento de culpa em relação à sua inabilidade de proteger o presidente Reagan, que quase foi assassinado por John Hinckley. Frank e Rachel se apaixonam mas ele não deixa este amor evoluir, pois quando estão juntos Rachel fica vulnerável. Paralelamente, novos atentados acontecem.

06h15 – Quem é Essa Garota? (1987)
Madonna interpreta uma garota que foi envolvida em um crime que não cometeu e transforma completamente, em um único dia, a vida de um advogado ao pedir ajuda a ele. Dessa forma, o cara que sempre agiu corretamente e sempre foi até mesmo meio nerd, se vê envolvido com essa bela e selvagem garota, que tem um espírito libertário e não está nunca muito disposta a seguir qualquer tipo de regra. De certa forma, foi um filme que abriu caminho para que a cantora mais tarde estrelasse produções diferentes e se arriscasse em filmes de suspense erótico como é o caso de Corpo em Evidência e até mesmo outras produções em sua praia, como o ambicioso musical Evita. O filme tem toda a estética dos anos 80 urbana e pop, e é uma boa pedida principalmente para os saudosistas, além dos fãs da popstar, claro.

08h00 – Burlesque (2010)
Ali (Christina Aguilera) deixou sua pequena cidade natal em busca do sucesso em Los Angeles. Logo ao chegar ela conhece a boate Burlesque, especializada em shows musicais de belas mulheres, que sempre se apresentam usando playback. O local é gerenciado por Tess (Cher), que nega uma chance a Ali. Ela insiste e consegue ser contratada como garçonete, graças à ajuda do balconista Jack (Cam Gigandet). Ali passa a acompanhar todos os shows, decorando as canções e coreografias. Quando Tess e seu braço-direito Sean (Stanley Tucci) realizam uma audição em busca de novas bailarinas, Ali aproveita a chance para mostrar do que é capaz.

10h00 – O Mágico Inesquecível (1978)
Harlem, Nova York. Dorothy (Diana Ross) é uma professora de 24 anos, que nunca saiu do bairro. Após um jantar em família ela sai de casa para pegar Totó, seu cão, numa nevasca, mas é pega por um ciclone, que a leva para a Terra de Oz, que parece a Manhattan do final dos anos 70 em estado precário. Aterrissando sobre a Bruxa Má do Leste, a confusa Dorothy é saudada pelos munchkins, os “moradores’ do lugar, que saíram de dentro de um muro pixado. Quando Dorothy matou a bruxa acabou com o feitiço e “herdou” os sapatos mágicos da bruxa, os quais Dorothy não deve tirar de maneira alguma. Os munchkins também falam para Dorothy sobre um mago poderoso, que mora na Cidade Esmeralda e que pode ajudá-la a voltar para casa. Porém Dorothy precisa tomar cuidado com a Bruxa Má do Oeste, que era irmã da Bruxa Má do Leste e é ainda mais malvada. Para compensar há Glinda (Lena Horne), a Fada Boa do Sul, que irá protegê-la. No início, antes de achar a estrada de tijolos amarelos, encontra um espantalho (Michael Jackson) feito de lixo que sonha ter um cérebro, um homem de lata quebrado que deseja um coração, e um leão covarde, que anseia para se tornar valente. O quarteto marcha para a Cidade Esmeralda, esperando que o mago resolva seus problemas. Mas esta viagem pode ser curta, pois numa estação do metrô objetos ganham vida e os atacam.

12h30 – Moonwalker (1988)
O filme começa com o vídeo de “Man in the Mirror” e depois parte para uma edição de videoclipes da careira de Michael. Depois vem uma paródia de “Bad” interpretada por crianças e então em uma seqüência Michael é perseguido por fãs. Então mais dois vídeos são mostrados e o filme mostra Michael como um herói com mágicos poderes, que é perseguido por Mr. Big (Joe Pesci), um traficante de drogas, mas mesmo assim Michael salva três crianças. Entre os vídeos estão “Smooth Criminal” e “Come Together”.

14h00 – Dreamgirls (2006)
Detroit, década de 60. Curtis Taylor Jr. (Jamie Foxx) é um vendedor de carros, que sonha em deixar seu nome marcado no mundo da música. Ele deseja abrir sua própria gravadora, mas ainda não tem o formato e o produto certo para vender ao público. Curtis encontra o que procura ao conhecer o grupo The Dreamettes, formado pelas cantoras Deena Jones (Beyoncé Knowles), Lorrell Robinson (Anika Noni Rose) e Effie White (Jennifer Hudson). Elas se apresentam em um show de talentos local, usando perucas baratas e vestidos feitos em casa. Suas vidas mudam quando Curtis, já seu agente, consegue que elas façam o backup do show de James “Thunder” Early (Eddie Murphy), o pioneiro de um novo som em Detroit. Posteriormente o grupo alça vôo solo, mudando de nome para The Dreams. Porém Curtis sabe que para alcançar o sucesso o grupo precisará apostar na beleza provocante e tímida de Deena, mesmo que tenha que deixar de lado a voz potente de Effie.

16h30 – Gaga Mix
Just Dance+ Poker face + Paparazzi+ Bad Romance+ Alejandro+ Telephone+ Born this way

18h00 – Evita (1996)
Em 1952, em um pequeno cinema da Argentina, a projeção é interrompida para comunicar o falecimento da líder espiritual do país, Eva Perón (Madonna). A partir deste momento é narrado em flashback como a filha bastarda de um agricultor de um pequeno povoado é barrada no funeral do seu pai e como ela, freqüentando as rodas certas com as pessoas certas, acaba se tornando rapidamente a primeira-dama do seu país.

CINESESC

Rua Augusta, 2075

00h00 – Mister Lonely – Harmony Korine

Em Paris, jovem americano que trabalha como sósia de Michael Jackson é convidado por uma garota que imita Marilyn Monroe para integrar um grupo composto apenas por outros sósias de celebridades famosas como, por exemplo, James Dean, Madonna, Charles Chaplin, Elizabeth II e muitos outros.

02h00 – Mágico de Oz (The Wizard of Oz) — Apresentação Especial com Trilha Sonora do Disco the Dark Side of the Moon de Pink Floyd – Victor Fleming

Uma das mais famosas “lendas” que circulam no mundo do rock n’ roll será apresentada pela primeira vez em uma sala de cinema, no Brasil. Teria o Pink Floyd gravado o disco “The Dark Side of the Moon” como uma espécie de trilha sonora para a (lisérgica?) travessia de Dorothy, Espantalho e o Homem de Lata? Assista em tela grande e tire suas próprias conclusões. Victor Fleming, EUA, 1939, 101 min.

04h00 – Ginger e Fred – Federico Fellini

Amelia e Pippo são uma dupla de bailarinos que fazia um número de dança imitando Ginger Rogers e Fred Astaire. 30 anos depois, eles se reencontram em um programa de televisão para refazer o número.

11h00 – Cineclubinho Especial Virada Cultural: o Mágico de Oz (Versão Dublada)

SESC PINHEIROS

Drácula Musicado ao Vivo
 * Cinema e Vídeo (Sesc Pinheiros) dia 16 às 22h00

(EUA, 1931, terror, pb, dvd, 75’, livre) Drácula, de Tod Browning, foi lançado em 1931 e é baseado na obra-prima de Bram Stoker e na peça escrita por Hamilton Deane para a Broadway, em 1927. Com o húngaro Bela Lugosi no papel do vampiro este filme entrou para história do cinema norteamericano como o início do gênero horror no circuito comercial. O filme foi realizado num período do cinema no qual ainda não era possível misturar trilha sonora aos diálogos, motivo pelo qual o filme, em sua versão original, praticamente não possui música. Nesta exibição que acontecerá durante a Virada Cultural, o grupo musical Projeto Axial sonorizará as cenas antológicas dessa obra histórica com recursos contemporâneos como samplers, sintetizadores e processamento de áudio. O Projeto Axial conta com Sandra Ximenez (vocais, teclados, loops de voz), Felipe Julián (sampler, eletrônicos, teclados e baixos), Yvo Ursini (guitarra e eletrônicos) e Leo Muniz Correa (sax, clarinete, clarone e eletrônicos).

CINEMATECA BRASILEIRA

24 Horas de Música no Cinema por toda a Virada

Sala Cinemateca Bndes

Largo Senador Raul Cardoso, 207 – Próximo ao Metrô Vila Mariana

18h00 – Mochilla: Concertos ao Vivo Arthur Verocai – Brian Cross
EUA, 2010, vídeo digital, pb, 73’ | Versão original, sem legendas | Exibição em DVD — Registro de um show do projeto Timeless: the composer/arranger series realizado em Los Angeles, em 15 de março de 2009, em que o compositor, arranjador e guitarrista brasileiro Arthur Verocai toca acompanhado de orquestra com 35 músicos e participações especiais dos brasileiros Mamão (Azymuth), Carlos Dafé, Clarisse Grova e Airto Moreira. No show, é executada a íntegra do lendário primeiro álbum solo de Verocai, lançado em 1972, uma refinada fusão de elementos da tropicália e influências de funk e soul, mas que não foi bem compreendido pelo público e crítica da época. O trabalho virou objeto de colecionadores ao ser lançado nos Estados Unidos em 2003, onde acabou sendo sampleado por produtores de hip-hop e nomes do rap como MF Doom e Ludacris. Classificação Indicativa: Livre.

19h30 – Mochilla: Concertos ao Vivo Mulatu Astatke – Brian Cross
EUA, 2010, vídeo digital, pb, 73’ | Versão original, sem legendas | Exibição em DVD — Registro de um show do projeto Timeless: the composer/arranger series realizado em Los Angeles, em 1º de fevereiro de 2009, no qual o compositor, arranjador e xilofonista, pianista e percussionista etíope Mulatu Astatke, considerado o criador do ethio-jazz e grande influência sobre os músicos de hip-hop, executa os grande clássicos de sua carreira, como “Yekermo Sew” e “Yègellé Tezeta”, acompanhado de sua banda e de uma orquestra que inclui veteranos do jazz de Los Angeles como Bennie Maupin, Azar Lawrence e Phil Ranelin. Recentemente, Astatke apresentou-se ao vivo em São Paulo, com grande sucesso de público. Classificação Indicativa: Livre

22h00 – Coração Louco (Crazy Heart) – Scott Cooper
EUA, 2009, 35mm, cor, 112’ | Legendas em português | Artista fictício: Bad Blake | com: Jeff Bridges, Maggie Gyllenhaal, Colin Farrell, James Keane, Anna Felix — Depois de ter sido muito famoso, cantor de música country vive no ostracismo, amargurado e entregue ao alcoolismo. Aos 57 anos, ele ainda passa a vida em turnês, tocando seus antigos sucessos em cervejarias e boliches de terceira categoria. Uma chance de mudar de rumo surge quando ele conhece uma jornalista que quer escrever um perfil do artista, por quem ele se apaixona. O filme deu a Jeff Bridges o primeiro Oscar de sua carreira – após quatro indicações anteriores – além de ter conquistado o prêmio também na categoria Melhor Canção (para “The Weary kind”). Exibição em película de 35mm. Classificação Indicativa: 12, não recomendado para menores de 12 anos

12h00 – Alvin e os Esquilos (Alvin and the Chipmunks) – Tim Hill
EUA, 2007, 35mm, cor, 92’ | Dublado em português | Banda fictícia: The Chipmunks | com: Jason Lee, David Cross, Cameron Richardson, Jane Lynch, Justin Long (voz) — Adaptação para o cinema, com atores de carne e osso contracenando com personagens animados digitalmente, da famosa série de desenhos animados da televisão. Criados como um grupo musical infantil em 1958, por Ross Bagdasarian, os The Chipmunks lançaram diversos álbuns e chegaram a ter músicas nas paradas de sucesso antes de protagonizarem duas séries animadas: uma nos anos 1960 e outra nos anos 1980. Neste longa-metragem, Alvin, Simon e Theodore, um trio de esquilos cantores, têm a árvore onde vivem derrubada e enviada para o saguão de uma prestigiosa gravadora de discos. Lá, conhecem um compositor que batalha para alcançar o sucesso e resolve acolher os animaizinhos e lançá-los no mercado fonográfico. Classificação Indicativa: Livre

14h00 – Alvin e os Esquilos 2 (Alvin and the Chipmunks: the Squeakquel) – Betty Thomas
EUA, 2009, 35mm, cor, 88’ | Dublado em português | Banda fictícia: The Chipmunks | Jason Lee, Zachary Levi, David Cross, Wendie Malick, Justin Long (voz) — Continuação do grande sucesso Alvin e os esquilos, novamente apresentando as aventuras dos três esquilos cantores e seu “padrinho” humano, um compositor em busca do sucesso. A novidade aqui fica por conta do surgimento de um trio de fêmeas que chega para rivalizar com eles: as Esquiletes (Chipettes). Famosos desde o final dos anos 1950, quando foram criados, os Chipmunks já apareceram em inúmeros produtos: de discos e histórias em quadrinhos a jogos de tabuleiro, brinquedos e artigos de vestuário. Classificação Indicativa: Livre

16h00 – Mochilla: Concertos ao Vivo Suite For Ma Dukes: the Music of James “dilla” Yancey – Brian Cross
EUA, 2010, vídeo digital, pb, 73’ | Versão original, sem legendas | Exibição em DVD — James Yancey, mais conhecido como J. Dilla, falecido em 2005, teve no show registrado neste documentário toda a sua obra arranjada pelo maestro Miguel Atwood-Ferguson para uma orquestra de 60 músicos, além dos convidados especiais Talib Kweli, Bilal, Dwele e Posdnuos. Gravado em Los Angeles, em 22 de fevereiro de 2009, o show fez parte do projeto Timeless: the composer/arranger series e prestou homenagem à obra deste que foi um dos artistas e produtores de hip-hop mais influentes da indústria musical. Parte da renda acumulada pela venda dos ingressos do show foi revertida diretamente para a mãe do músico, Maureen “Ma Dukes” Yancey, que criou a “J. Dilla Foundation”, instituição que trabalha com a cura de pessoas com lupus, doença que vitimou o rapper. Classificação Indicativa: Livre

17h30 – Brasilintime: Batucada com Discos – Brian Cross
EUA/Brasil, 2006, vídeo digital, cor, 125’ | Legendas em português | Exibição em DVD | Registro de show realizado em São Paulo, em setembro de 2002, no extinto clube Urbano, que promoveu o encontro inédito entre bateristas brasileiros e norte-americanos, em uma experiência inesquecível para músicos e público. As lendas das baquetas Ivan “Mamão” Conti (Azymuth), João Parahyba (Trio Mocotó), Wilson das Neves, Derf Reklaw, Paul Humphrey e James Gadson tocaram acompanhados pelos DJs de hip-hop norte-americanos Babu, J-Rocc, Cut Chemist e Madlib, além do brasileiro DJ Nuts. No palco, os onze músicos misturam timbres, acordes, tons e ritmos em uma longa jam session que intercalou o passado e o presente, as agulhas e as baquetas. Este histórico show deu origem a este documentário, que intercala cenas do espetáculo a depoimentos dos músicos envolvidos, e foi lançado em 2006 no Brasil, quando uma nova edição do show Brasilintime foi apresentada no Sesc Pompéia, desta vez reunindo entre os bateristas a lenda do ‘afrobeat’ Tony Allen (que tocava com Fela Kuti), Derf Reklaw, Wilson das Neves, Mamão e Pupillo (Nação Zumbi) aos DJs Madlib, J-Rocc, Cut Chemist, Nuts e Primo. Classificação Indicativa: 12, não recomendado para menores de 12 anos

Sala Cinemateca Petrobras

Largo Senador Raul Cardoso, 207 – Próximo ao Metrô Vila Mariana

19h00 – Isto é Spinal Tap (This Is Spinal Tap) – Rob Reiner
EUA, 1984, 35mm, cor, 82’ | Legendas em português | Exibição em DVD | Banda fictícia: Spinal Tap | com: Michael McKean, Christopher Guest, Kimberly Stringer, Harry Shearer, Rob Reiner —
Falso documentário que acompanha a primeira turnê norte-americana da mítica banda de heavy metal inglesa Spinal Tap, um quarteto com duas décadas de existência, cujos bateristas sempre morreram de maneira absurda, que enfrenta um período de ostracismo. Mas o que deveria ser o retorno triunfal do grupo, considerado o mais barulhento do mundo, acaba se transformando numa sucessão de desastres como shows cancelados, desentendimento entre os músicos e interferências no som das guitarras. Apesar de diversos elementos indicarem claramente que o filme tratava de uma banda inexistente – tais como algumas piadas absurdas, a decupagem, discreta mas presente, de algumas cenas e as participações especiais de figuras reconhecíveis (como Paul Schaffer, Fran Drescher, Billy Crystal e Angelica Huston) –, uma grande parte do público não se deu conta disso e, com o sucesso conquistado nas bilheterias, a banda passou a fazer turnês e a gravar álbuns como um grupo musical de verdade. Classificação Indicativa: 14, não recomendado para menores de 14 anos

21h00 – Poucas e Boas (Sweet and Lowdown) – Woody Allen
EUA, 1999, 35mm, cor, 95’ | Legendas em português | Exibição em DVD | Artista fictício: Emmet Ray | com: Sean Penn, Samantha Morton, Uma Thurman, Anthony LaPaglia, Gretchen Mol, John Waters, Woody Allen — As desventuras de um selvagem e excêntrico guitarrista de jazz nos EUA do final dos anos 1930 chamado Emmet Ray. Entre uma apresentação e outra, ele gasta seu tempo com atitudes extravagantes: adora ver os trens passarem, atirar nos ratos e se embebedar e idolatra o cigano Django Rejnhardt, único guitarrista a quem ele se considera inferior. Em busca de reconhecimento, Ray se envolve com gangsteres e começa um relacionamento com uma garota surda, a única capaz de entender seus anseios e inseguranças. Mas sua arrogância irá prejudicar o relacionamento. Misturando ficção a cenas falsamente documentais de depoimentos de celebridades, o filme inclui uma participação do próprio Woody Allen como ele mesmo, dando depoimentos sobre sua relação com a “obra” de Emmet Ray. Classificação Indicativa: 14, não recomendado para menores de 14 anos

23h00 – Ainda Muito Loucos (Still Crazy) – Brian Gibson
Inglaterra, 1998, 35mm, cor, 95’ | Legendas em português | Exibição em DVD | Banda fictícia: Strange Fruit | com: Bill Nighy, Stephen Rea, Billy Connolly, Timothy Spall, Jimmy Nail — Décadas depois de extinta, uma antiga e famosa banda de rock resolve se reunir para uma nova turnê. A banda, Strange Fruit, teve uma carreira gloriosa e marcada por eventos trágicos: o misterioso sumiço do vocalista, que pode ter morrido por overdose, e a queda de um raio no palco durante um show ao ar livre. Num momento em que todos os ex-membros do grupo estão dispersos e cuidando de suas vidas, bem longe do sucesso, o antigo tecladista da banda resolve reunir seus ex-colegas e tentar convencê-los a cair na estrada novamente. Com a típica ironia britânica, esta comédia conquistou público e crítica, além de duas indicações ao Globo de Ouro, nas categorias Melhor Filme de Comédia ou Musical e Melhor Canção Original (para “The Flame still burns”). Classificação Indicativa: 14, não recomendado para menores de 14 anos

01h00 – O Pior Trabalho do Mundo (Get Him TO the Greek) – Nicholas Stoller
EUA, 2010, 35mm, cor, 109’ | Legendas em português | Exibição em DVD | Artista fictício: Aldous Snow | com: Jonah Hill, Russell Brand, Rose Byrne, Colm Meaney, Elisabeth Moss, Aziz Ansari, Kristen Bell, Sean “Puffy” Combs, Lars Ulrich, Pink, Christina Aguilera — Jovem e tímido estagiário de uma gravadora internacional é designado para buscar na Inglaterra e trazer para um show no famoso Greek Theater de Los Angeles o excêntrico e intratável cantor de rock Aldous Snow. Snow é um músico brilhante, mas seu temperamento extravagante e seu vício em álcool e drogas o tornam uma pessoa insuportável, que transforma a missão do jovem estagiário em um pesadelo. Produzido por Jude Apatow, responsável pelos sucessos Ligeiramente grávidos, Segurando as pontas, Superbad – É hoje e A Vida é dura – A História de Dewey Cox (também em exibição nesta mostra) e tido como “o novo rei da comédia de Hollywood”, o filme conta com participações especiais e “pontas”, no papel de si mesmos, de diversos astros da música pop como Pink, Puff Daddy, Christina Aguilera e Lars Ulrich, baterista da banda Metallica. Inédita nos cinemas brasileiros, a produção foi lançada no país diretamente em DVD. Classificação Indicativa: 18, não recomendado para menores de 18 anos

03h00 – De Volta ao Vale das Bonecas (Beyond the Valley of the Dolls) – Russ Meyer
EUA, 1970, 35mm, cor, 109’ | Legendas em português | Exibição em DVD | Banda fictícia: The Kelly Affair / The Carrie Nations | com: Dolly Read, Cynthia Myers, Marcia McBroom, John La Zar, Michael Blodgett — Três belas, sensuais e ingênuas jovens formam uma banda de rock e partem rumo a Hollywood em busca da fama e do sucesso. Numa festa regada de sexo, drogas e rock ‘n’ roll – em que a banda Strawberry Alarm Clock toca seus sucessos –, elas conhecem um excêntrico empresário e produtor musical que resolve apadrinhá-las e comandar suas carreiras, agora sob um novo nome. A partir daí, inicia-se uma jornada de perda da inocência. Parodiando o grande sucesso O Vale das bonecas, filme de 1967 baseado em best-seller de Jacqueline Susann sobre as desventuras de três jovens no mundo do show-business, este ‘cult movie’ do lendário diretor de produções eróticas de baixo orçamento Russ Meyer (de Faster, Pussycat! Kill! Kill!) se tornou um marco de sua filmografia e um retrato fiel da psicodelia e dos excessos do final dos anos 1960. Classificação Indicativa: 18, não recomendado para menores de 18 anos

05h00 – A Vida é Dura – A História de Dewey Cox (Walk Hard: the Dewey Cox Story) – Jake Kasdan
EUA, 2007, 35mm, cor, 96’ | Legendas em português | Exibição em DVD | Artista fictício: Dewey Cox | com: John C. Reilly, Jenna Fischer, Tim Meadows, Kristen Wiig, Harold Ramis, Jack Black, Jack White, Paul Rudd, Eddie Vedder, Frankie Muniz, Justin Long, Jason Schwartzman — Uma das figuras mais emblemáticas da história do rock, Dewey Cox tinha tudo: as mulheres (teve mais de 411), os amigos (Elvis, os Beatles) e o estilo de vida do rock ‘n’ roll. Mas, acima de tudo, ele tinha a música, que transformou um menino bobinho do interior no maior ídolo do rock americano de todos os tempos. Produzido por Jude Apatow, responsável pelos sucessos Ligeiramente grávidos, Segurando as pontas, Superbad – É hoje e O Pior trabalho do mundo (também em exibição nesta mostra), tido como “o novo rei da comédia de Hollywood”, o filme é uma sátira às cinebiografias de grandes personalidades da música, que se tornaram comuns nos últimos anos, como Ray, Dreamgirls e Johnny e June. Um dos grandes atrativos dessa anárquica comédia é a presença, no papel de si mesmos, em pequenas participações, de personalidades da música pop como Jackson Browne, Lyle Lovett, Eddie Vedder, Ghostface Killah e o grupo de soul The Temptations, numa aparição hilária. Além disso, outras celebridades da música e do cinema também marcam presença interpretando ícones do rock ‘n’ roll: o guitarrista Jack White aparece caracterizado como Elvis Presley e Frankie Muniz encarna Buddy Holly, enquanto os Beatles são personificados por Jack Black (como Paul McCartney), Paul Rudd (como John Lennon), Justin Long (como George Harrison) e Jason Schwartzman (como Ringo Starr). Classificação Indicativa: 16, não recomendado para menores de 16 anos

07h00 – Quase Famosos – Versão Estendida (Almost Famous – Bootleg Cut) – Cameron Crowe
EUA, 2000, 35mm, cor, 160’ | Legendas em português | Exibição em DVD | Banda fictícia: Stillwater | com: Patrick Fugit, Billy Crudup, Kate Hudson, Jason Lee, Zooey Deschanel, Frances McDormand, Anna Paquin, Philip Seymour Hoffman, Fairuza Balk, Noah Taylor, Jimmy Fallon, Rainn Wilson — Escrevendo matérias sobre música para um jornal do bairro, um jovem estudante é designado para cobrir a turnê da banda Stillwater, descobre todos os segredos dos bastidores e acaba se apaixonando por uma das fãs e namorada do líder da banda. Destaque para o astro Philip Seymour Hoffman, que faz uma pequena, porém marcante, participação no papel do lendário crítico de música Lester Bangs. Baseado nas memórias pessoais do diretor Cameron Crowe, que foi de fato colunista da revista Rolling Stone durante os anos 1970, quando teve a oportunidade de acompanhar em turnê a banda Led Zeppelin, o filme venceu o Oscar de Melhor Roteiro. Vale lembrar ainda que este não é o primeiro filme de Crowe, ex-colunista da revista Rolling Stone, em que figura uma banda fictícia: no filme Vida de solteiro (Singles), de 1992, Matt Dillon interpretava o vocalista do conjunto ‘grunge’ Citizen Dick. O filme será exibido em sua versão estendida, incluindo 38 minutos de cenas excluídas da versão originalmente lançada nos cinemas. Classificação Indicativa: 12, não recomendado para menores de 12 anos

10h00 – The Wonders – o Sonho Não Acabou (That Thing You Do!) – Tom Hanks
EUA, 1996, 35mm, cor, 108’ | Legendas em português | Exibição em DVD | Banda fictícia: The Wonders | com: Tom Everett Scott, Liv Tyler, Steve Zahn, Tom Hanks, Charlize Theron, Giovanni Ribisi, Johnathon Schaech, Ethan Embry — Numa pequena cidade do interior dos EUA, em meados dos anos 1960, um jovem vendedor de eletrodomésticos concorda em tocar em um show de calouros no lugar do baterista machucado de uma banda. Surge então um novo grupo de rock com potencial para se tornar um grande sucesso. É isso o que percebe um executivo de uma gravadora, que contrata o grupo e o lança à fama, fazendo sua canção de estréia alcançar os primeiros lugares das paradas de sucesso. Homenagem aos dias de glória do rock ‘n’ roll, o filme apresenta uma série de bandas de rock e r&b fictícias, interpretando canções compostas especialmente para a produção – incluindo a música tema, “That thing you do”, que se tornou um grande sucesso nas paradas de todo o mundo. Trata-se ainda primeiro filme dirigido pelo astro Tom Hanks, que também assina o roteiro e participa do elenco no papel do empresário. Também merece destaque a presença de Liv Tyler, filha do vocalista da banda Aerosmith, Steven Tyler. Classificação Indicativa: Livre

12h00 – A Rosa (The Rose) – Mark Rydell
EUA, 1979, 35mm, cor, 134’ | Legendas em português | Exibição em DVD | Artista fictício: Mary Rose Foster | com: Bette Midler, Alan Bates, Frederic Forrest, Harry Dean Stanton, David Keith, Don Calfa — Em interpretação indicada ao Oscar, Bette Midler encarna Mary Rose Foster, conhecida como The Rose, uma estrela do rock cujo sucesso foi regado a muita bebidas, drogas e sofrimento – uma combinação que acaba causando sua queda. Presa em um inferno particular, Rose pede ao seu empresário uma interrupção em sua turnê de concertos. Quando ele recusa-se a atendê-la, ela procura apoio e amor nos braços de um atraente andarilho, mas nem ele consegue lidar com sua vida de excessos. Livremente inspirado na vida da cantora Janis Joplin, o filme apresenta números musicais eletrizantes, interpretados pela própria Midler. Classificação Indicativa: 14, não recomendado para menores de 14 anos

14h30 – Os Irmãos Cara-De-Pau (The Blues Brothers) – John Landis
EUA, 1980, 35mm, cor, 133’ | Legendas em português | Exibição em DVD | Banda fictícia: The Blues Brothers | com: John Belushi, Dan Aykroyd, John Lee Hooker, Carrie Fischer, Ray Charles, Aretha Franklin, James Brown, Cab Calloway

Jake e Elwood Blues, dois ex-gangsters, precisam ajudar a salvar o antigo orfanato em que foram criados. Para isso, decidem reunir sua antiga banda e organizar um show para arrecadar fundos. Nessa missão divina para tentar ganhar algum dinheiro honesto e alcançar a redenção, Os Blues Brothers serão perseguidos pela polícia, pelos neonazistas, pelo exército e sabe lá por quem mais. Contando com participações especiais de astros do cinema como Carrie Fisher e Steven Spielberg, o filme foi uma das maiores bilheterias em todo o mundo no ano de seu lançamento e é, até hoje, uma das comédias musicais mais famosas e queridas do cinema, tendo levado os atores a se apresentar e a gravar discos como uma banda de verdade. Destaque absoluto para os números musicais, que contam com apresentações de grandes lendas do jazz, blues, soul e r&b, como Aretha Franklin, John Lee Hooker, James Brown, Cab Calloway e Ray Charles. Classificação Indicativa: 12, não recomendado para menores de 12 anos

17h00 – The Commitments – Loucos Pela Fama (The Commitments) – Alan Parker
Irlanda/Inglaterra/EUA, 1991, 35mm, cor, 118’ | Legendas em português | Exibição em DVD | Banda fictícia: The Commitments | com: Robert Arkins, Andrew Strong, Angeline Ball, Colm Meaney, Johnny Murphy, Michael Aherne — Jovem irlandês, fã de soul music, sonha em conquistar o sucesso como empresário musical montando uma banda do gênero em plena periferia da capital, Dublin. Após entrevistar dezenas de candidatos, forma o grupo The Commitments, com músicos inexperientes, três vocalistas improvisadas, um cantor egocêntrico e um trompetista veterano e mulherengo, que diz ter tocado com os grandes nomes do jazz. Apresentando-se nos ‘pubs’ da cidade, interpretando sucessos dos grandes nomes da música negra norte-americana, a banda realmente parece destinada à fama – a menos que os desentendimentos entre os membros ponham tudo a perder. Indicada ao Oscar de Melhor Montagem e ao Globo de Ouro de Melhor Filme de Comédia ou Musical, a produção foi também a principal vencedora do BAFTA de 1992, conquistando os prêmios de Melhor Filme, Direção, Montagem e Roteiro Adaptado. Classificação Indicativa: 12, não recomendado para menores de 12 anos

SESC BELENZINHO

Dia 16 – 23h00
Cinepiano

O Cinepiano apresenta esta faceta pouco conhecida do cinema. Tony Berchmans, acompanhando filmes do período do cinema mudo, improvisa a trilha sonora musical ao piano, misturando excertos de temas clássicos com música original composta aos estilos da época, como ragtime e jazz tradicional, sempre em sincronismo com a ação e com os momentos do filme. Com Tony Berchmans.

SESC CONSOLAÇÃO

19h30 – 21h30 – 23h30 – 01h30
Cine-Teatro Popular do Nordeste

Nos intervalos dos espetáculos serão exibidos os seguintes curtas: ´Patativa´ (CE), A Pessoa é para o que nasce (RJ), Padre Cícero (SP/CE), Recife de dentro pra fora (PE), Fuloresta da Samba (PE), A saga da Asa Branca (RJ/PE), entre outros.

Classificação Indicativa: 12, não recomendado para menores de 12 anos

Sem mais artigos