Foi-se o tempo que filmes sobre sexo na adolescência eram delicadinhos e “sutis”, como em As Patricinhas de Beverly Hills, ou “engraçadinhos”, como em American Pie.


Desde 2013, principalmente depois do lançamento de Azul É a Cor Mais Quente, iniciou-se uma tendência de abordar o assunto de uma maneira cada vez mais séria, real e erótica. 

Wetlands (2013) é o que está mais causando furor na crítica internacional. O filme “teen” alemão, dirigido por David Wnendt, traz Helen (Carla Juri), uma garota de 18 anos, que tem diversos fetiches sexuais bem estranhos, como frequentar banheiros públicos imundos e se masturbar com vegetais. O longa, que é baseado no livro homônimo de 2008, de Charlotte Roche, ainda não tem data de lançamento no Brasil.  

Veja, na galeria, outros novos filmes que têm seguido a tendência de Azul É a Cor Mais Quente e de Wetlands.

Sem mais artigos